10.2.12

Café da manhã

Lembro que em casa nossa alimentação sempre foi boa, com muitas frutas, legumes, verduras. O café da manhã ficou marcado com pão na chapa com manteiga e depois coberto com requeijão. Não sei se é um grande hábito dos paulistas: pingado com pão na chapa. Mas por aqui é uma combinação que nunca falta. 
Hoje teve espaço pro iogurte. 

Ah, e o pão pra mim pode ser tanto o de forma como o francês (também chamado aqui em Brasília como pão de sal)

quitandoca-2

Tomar café olhando pra este verde é bem bom, viu?
quitandoca

Agora me conta: como era o café da manhã da sua infância? Você continua reproduzindo este mesmo café (mesmo depois de velha(o)? rs Beijos e ótima sexta-feira, Glau

49 comentários:

Regiandd disse...

....eu adora gratinar uma fatia de mortadela pra colocar no pãozinho com margarina...........e nunca mais fiz isso :( ....agora to nos integrais e tals.....

disse...

Minha infância era café com leite e bolo!!! A gente morava na roça (na roça mesmo!) e minha avó fazia muito bolo... só tinha pão de sal quando ela ia na "cidade" e trazia... aí quando ele não estava mais fresquinho, a gente fazia bem igual a você! Na chapa! Hoje, eu moro na "cidade" kkkk, e o café da manhã da minha casa sempre tem café com leite e pão na chapa!!! Bjo!

Unknown disse...

Bom dia Glau, adoro fazer café da manhã, e continua sendo sempre como quando era criança!!! Quando os filhos estão em casa então..o meu mais velho (25 anos) diz que faço café pra 10. Com bolo, sucos frutas picadas, geléias...o que tiver vou colocando a mesa!!! Adoro.Bjos

Camila Mesquita disse...

Bom dia Glau!

Durante minha infância também comia muito pão na chapa, mas o que marcou mesmo foi o Cuzcuz. Hum... Mesmo agora, depois de velha(?!), ainda preparo para a minha família! Todos adoram...

Como é bom lembrar da infância, né?!

Bjs

Bete Fellet disse...

Depois de chegar aos 40, acho que não dá para continuar com o pão com manteiga e café com leite. Hoje, minha primeira refeição é pão integral light e uma frutinha.
Eternamente de dieta... rsrsrs

Milena disse...

Mesmo mais velha,rs!,continuo com o mesmo hábito.Não tenho hábitos hiper saudáveis quando acordo não.Vario com pão muuuitos grãos,mas sou chegada num pão francês!
Gosto de um café preto,pão com queijo ou manteiga,mel e pronto.
Sempre fui assim,mas como acordo cedo,depois faço uma refeição intermediária com uma fruta ou um iogurte,suco até o almoço.

bkjs

mariana/receitas para a felicidade disse...

O meu café da manhã era bem simples o leite com o cacau bem quentinho e a torrada com manteiga que minha mãe polvilhava com um pouco de açúcar e me lembro de saber tãoooo bem hummmm. Boas memorias Glau

beijos e bom fim de semana!!

Anônimo disse...

O meu sempre tinha Nescau*
Rs

Lembro que poucas vezes nos reuniamos todos ao mesmo tempo...Isso era mais nos fins de semana.

Mas também tinha pãozinho francês, quentinho, recém chegado da padaria:)

Bjs

Josy Almeida

Fabiana disse...

Quando criança,meu café da manhã era pão caseiro ou francês com manteiga e leite condensado,na época existia um tubinho como o de pasta de dente,que mamis sempre passava era uma delícia.E sempre tomava um copão de leite com Nescau.

Aiiiii cresci né,casei e hoje meu café da manhã mudou um pouco,um dia como bisnaguinha que passo na chapa e depois passo requeijão ou manteiga,as vezes tomo leite com Nescau,as vezes suco ou até coca....tem dia que não como nada,no outro tem bolo,confesso que não é a minha prioridade um bom café da manhã...


Bjs

Silvana disse...

Parando para pensar é que vejo que sim, continuo comendo as mesmas bobagens de sempre...
Café com leite, bisnaguinha, biscoito recheado.
A verdade é mesmo quando estou em hotel repito esse menu. Raramente incluo uma fruta, iogurte ou suco!!!
Credo! como sou previsível...rs
Adorei a reflexão! bj

Meire disse...

Na minha infância em São Bernardo do Campo - SP o meu café da manhã era uma coisa que eu nunca mais vi... uma tigelinha de café com leite onde colocávamos pedaços de pão e depois comíamos com a colher... Delícia! Uma daquelas delícias que a vida nos corta num certo ponto e nos faz substituir por mamão, iogurte diet, granola, fibras e demias coisas sem graça que o corpo adulto precisa...

lu Oliveira disse...

q deliciiiaaaa tomaar café contemplando a natureza,esse sim é um café perfeito!!
qd criança meu café da manhã preferido era na casa da minha tia rica kkkkkkkk, amava qd ia passar o fds por lá,pq tinha meu café da manhã predileto, q era e é até hoje(só não como todo dia pq né,ia virar dona redonda)cuscuz,farinha de puba(q só tem no maranhão)leite ninho(e não pode ser outro,pq muda o sabor)neston,açucar e café,café(café cuado)hehehe pronto tá feito a gororoba <3

Maria Amélia disse...

Oi Gláucia, o café da manhã lá de casa era simples mas delicioso. Éramos em 9 (tinha mesmo que ser simples rsrs). Morávamos pertinho de uma padaria e toda manhã e toda tarde meu pai comprava um pão bem comprido que chamávamos de bengala. Era pão quentinho com manteiga e café com leite ou tody. Todo mundo queria comer as 2 pontinhas, que chamávamos de "bico" do pão.
Fui conhecer pão na chapa bem mais tarde porque não sobrava uma migalha sequer para aquecer no dia seguinte rs.
Pão de forma era só para quando íamos a algum passeio escolar. Frios eram muito aguardados por 1 ou 2 vezes no mês. Tinham gosto de festa. Só conhecíamos queijo prato, presunto, salame (inteiro e não fatiado) e mortadela. Hoje a gente varia bastante o café e dificilmente fico um dia sem iogurte mas o que eu realmente gosto é de café com leite e pão com manteiga. Aliás, meus dias sempre começam no fogão, fazendo um cafezinho para tomar saboreando um pedacinho de queijo. É praticamente um ritual.
Mudando um pouco de assunto, vc já deu algum workshop de fotografia em S.Paulo? Já pensou nisso. Como apaixonada por fotografia, gostaria de participar,mas como fotógrafa amadora.
bjs.
mamélia

Fúlvia e Suzie disse...

Na casa dos meus pais era, basicamente, pão, queijo, manteiga, leite e café.

Agora, aqui em casa, nosso café tem frutas com cereais (aveia, linhaça e sucrilhos), leite, iogurte natural, pão, manteiga, às vezes um bolinho. A gente comeeee no café da manhã hehehehe.

Flávia Mergulhão disse...

Gemada...esse era o sabor do café da manhã da minha infância. Nossa...que delícia e às vezes minha mãe colocava canela...como eu gostava disso. Sabe, nunca mais tomei gemada. Bela lembrança!Hoje em dia é tudo tão light...rsrsrs
Bjosss

rute disse...

Flor minha mãe é baiana e sendo assim sempre gostou de mesa farta com muita sustância e variada era assim... Cuscuz bem quentinho e do fogo passávamos manteiga viação, café com leite...delicia!! ou ela fazia Tapioca eu sempre gostei da salgada quentinha e com manteiga também... até hoje ir na casa da minha mãe é sinônimo de comer tapioca e cuscuz...bj

Cassiana disse...

Glau,
A manhã, o "acordar" de uma forma geral, é a melhor lembrança da minha infância. Meu pai me acordava todos os dias com uma musiquinha e, qdo eu chegava para tomar o café da manhã, tinha aquele cheiro maravilhoso de um café fresco, um pãozinho também fresquinho (que eu comia com manteiga e geleia de morango) e as frutas que minha mãe já deixava cortadinha.
Infelizmente, não consigo seguir este ritual hoje...
Mas, qdo estou na casa dos meus pais, é igualzinho até hoje...MARAVILHOSO.
Sempre foi, é e será minha refeição predileta.

Ju disse...

Ah....
Café da manhã é a minha refeição predileta!
Meus pais sempre acordaram cedo e preparam uma mesa linda, em que a família estava sempre reunida...
Café com leite, pão com manteiga e um ovinho mole tomado bem quentinho...
Às vezes, rolava um bolinho ou mimo extra...
Mas o máximo mesmo era acordar já sentindo o cheirinho do café na casa...

Acabei de me casar, mas pretendo seguir esse mesmo ritual com os pimpolhos que virão..

Beijos

Carolina Miranda disse...

Ahhh... meu café da manhã sempre foi pão de sal com queijo minas e leite com Nescau.
Hoje, depois dos 30, passei pro pão integral, mas continuo com leite + Nescau. Agora, com a diferença de ser leite desnatado e Nescau light... rs

RaSena disse...

Glau,
por incrível que parece, exitem hábitos que nos devolvem o encanto da nostalgia.
O café da manhã, por exemplo, e se tiver uma linda paisagem, como a sua, trará mais felicidade para o dia.
bom final de semana!!!
bjbj

Cacau Gonçalves disse...

Então...
Eu nunca tive muita fome de manhã, mas precisava comer algo por conta da escola/faculdade.
Eu nunca gostei muito de leite e assim que pude ter alguma autoridade sobre o que eu comia, lá pelos 12 anos, parei de tomar leite com chocolate de manhã. Como eu tb não gostava de café, passei a beber chá ou suco de laranja e comer pão com queijo.
Atualmente, começo meu dia sempre com uma bela salada de frutas com granola e mel e depois, lá pelo meio da manhã, como um pãozinho (de preferência integral) com queijo.
Tem umas fases em que troco tudo isso pelo suco verde, mas o marido adora a saladinha de frutas e eu acabo deixando o suco verde pra lá...rs
Na casa dos meus pais a comida sempre foi relativamente saudável. Mas assim que parei de comer carne, aos 17, comecei a buscar novas receitas e novas formas de alimentação ainda mais saudáveis. E apesar de não dispensar uma bela massa cheia de queijo, gosto muito de uma comidinha vegetariana-integral-coisa e tal...;-)

Cibele Leite disse...

Lindas imagens...

Pão quentinho é tudo de bom!

Beijokas

cami disse...

Glau,
tive que comentar, rs... o café da manhã da minha infância é algo que hoje não conseguiria comer mais não, rs... minha avó fazia uma canecona de café com leite e mergulhava um pão nela e deixava quase desmanchar e a gente comia essa gororoba em colheradas... ui, hahahahahahaha

Carol disse...

O café da manhã de hoje inclui queijo no pão. Adoro.

Amei essa vista.
Beijos

Anônimo disse...

Papai sempre fazia nescau batido e a gente tomava com pão com manteiga. É impressionante com até hoje os netos só tomam o nescau batido se for o do vovô Oliveira!!!

Pankeka disse...

Graças a Deus eu evoluí no quesito café da manhã. Quando era criança era um copo de Nescau e deu! Hoje já me alimento melhor com um pãozinho, uma fruta e um café. Mas me deu uma vontade de comer uma torrada, como a gente diz aqui no sul ;-)

Katima disse...

Glau.
Pão na chapa é costume de paulista, mas como tenho duas sobrinhas paulistinhas, aprendi com elas e minhas filhas adoram.
Realmente é muito bom tomar café com o verde na janela. Brasília é assim, gosto disso!
Beijos,Kátima.
PS:Comprei a máquina de waffer e estou usando muito.

Katima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Lucia disse...

Eu estou lendo seu blog aos poucos e cada vez me apaixono mais...as coisas que você escreve e como escreve é tão delicado...nem ia postar nada sobre o café da manhã mas ai vi um outro texo e tive que dizer que estou realmente adorando seu blog...meu café da manhã quando era pequena e morava com a minha avó na maioria das vezes era cuscuz fresquinho e quantinho com manteiga e leite....hum...que delicia e melhor ainda foi lembrar de uma época tão boa...

Cíntia Groenwald disse...

O café da minha infância era o seguinte: Eu precisava tomar leite gelado independente do tempo ou do meu estado de saúde, sempre o bom e velho nescau, um pãozinho, a fruta eu comia depois mais tarde, algumas vezes era sucrilhos com leite e alguma fruta, quando era na minha avó ela fazia torrada de presunto e queijo (para todo mundo é misto quente, mas aqui no RS é a nossa boa e velha torrada), ou pão na chapa, e o da minha avó era completamente imbatível, era temperado com aqueles feitiços de vó, que só elas tem... Hoje eu faço as coisas para ela, e me deixa imensamente feliz imaginar o que ela gostaria de comer, apesar de que ela acha que tudo o que eu faço sem sal hehehe. Quanto o café era na minha outra avó a paterna que já faleceu, tinha um pãozinho caseiro que ela fazia, ninguém nunca mais fez aquele pão, e hoje ele me dá uma pontinha de tristeza misturada com nostalgia apesar de uma lembrança feliz! Comia esse pãozinho com margarina e café com leite (café + leite condensado = café com leite de vó) e brincava feliz a manhã inteira, minhas avós me poupavam das detestáveis frutas, minha avó paterna plantava morangos para mim, eu colhia dava uma limpadinha e comia hehehe.... Bom mas na adolescência, criei os hábitos que tenho até hoje, preciso do café da manhã para ser feliz, a fruta sempre está lá, fui aprendendo a gostar, e ela pode variar entre mamão, morango e a banana entra com uma frequência menor, bem menor. Como pão light branco, porque não gosto dos grãos, mas ele pode ser trocado por uma fatia de bolinho delícia, o nescau gelado eu nunca abandonei, mas as vezes troco por um cafezinho com leite bem quentinho, sempre participam geléias light, sem açúcar, ou uma margarina light, as vezes queijo branco, e quando estou serelepe uma torrada de presunto e queijo que não é a da minha avó, mas me alegra muito!

Anônimo disse...

Como boa baiana sempre teve beiju, banana frita e pãozinho, claro, gosto de pão assado no forno, coloco fatias de queijo e levo ao forno bem quente vapt-vupt, crocante por fora e molhadinho por dentro hum...
Bj, Glau.

Karla

Josi disse...

Nossa Glau, minha infância foi marcada por cafés da manhã esquisitíssimos! Até os 6 anos tinhamos uma empregada que nos mimava muito e nos dava pão com ovo frito e coca-cola de manhã! Qdo começamos a ir para a escola, aí sim desandou de vez, nem comíamos! Aos 16 fui morar sozinha na Costa Rica e tomava café da manhã na faculdade, ou seja, o típico de lá "pinto con huevo", que não é mais que arroz, feijão e ovo mexido, tudo misturadinho com uma tortilla de milho! Isso as 7-8h a manhã! Hj, no auge dos meus 32 aninhos, já bem regrada aqui em Porto Alegre sou uma poessoa saudável, frutinhas, iogurte e granola! Não pode faltar o café preto, claro! Mas que vontade de um pãosinha na chapa, heim???

Flávia disse...

Para a felicidade dos meus pais fui uma criança que dormia 12 hrs,dormia cedo,mas acordava super cedo tbém.Aliás todos acordávamos cedo!O som que geralmente ouvia era o da colher batendo no bule quando minha Mãe adoçava o café,logo o aroma de café forte e fresquinho,passado no coador de pano,com leite puro(a vizinha tinha uma Mimosa e vendia o leite para o bairro todo,rsrsr)tbém o pãozinho d'água com manteiga e um bolinho(cuca com farofa)faziam parte do começo dos nossos dias!E como sinto falta disso!Geralmente assim era nosso café e hoje o café da manhã é essencial aqui em casa,pois quero que meu filhinho tenha boas lembranças tbém!Bjusssss.

Luciana Paola disse...

Glau, recebi a revista do Pão de Açúcar dessa semana e tinha justamente uma reportagem sobre café da manhã nas diferentes regiões do Brasil. Achei tão interessante! O Brasil tem uma culinária tão rica! Na infância comia pão na chapa tbm e leite com toddy (as vezes bolo e cream cracker com requeijão). Hoje vou de leite de soja (intolerância...) aveia, linhaça, frutas etc. Mas tá "bão tamen"! rs
Beijão!

Luiza disse...

Ei, Glau. Na minha infância eu não tomava café da manhã, apesar dos apelos insistentes da minha mãe - Minha filha, não pode sair sem comer nada! rsrs
E água mole em pedra dura... Hoje em dia eu tomo café todos os dias (nem que seja só 1 biscoito água e sal, para não dizer que passou em branco), quase sempre banana com aveia ou pão caseiro com azeite.
Mas meu café da manhã preferido tem um ingrediente do seu, uma bela vista! Aí fico horas beliscando o que tiver, de preferência todo tipo de frutas.
Beijos e bom fim de semana!

Tatiana Lacerda Jardim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tatiana disse...

Oi Glau...já tem uns dias q eu descobri o seu blog e me apaixonei!!!nunca fui de entender como funcionavam esses tais de blogs...rsrs mas agora todos os dias passo pra dar uma olhadinha, ainda não vi tudo mas posso afirmar q vc já me inspirou a fazer algumas das receitinhas...o sorvetinho de banana tá fazendo sucesso aqui em casa e na casa da minha sobrinha...rsrs bom...agora vou falar do café da manhã da minha infancia q era bolachinhas ou rosquinhas molhadas no leite e q qdo vou p casa da minha mãe ela faz p mim e p o meu filho(Murilo) q adora...

Tatiana Lacerda Jardim disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mara Freitas disse...

Oi Glaucia!
Na infância eu comia pão francês com manteiga, molhando no café....huummm
Agora eu como pão integral sem manteiga e café com adoçante.
Fala sério!! Eu estou refletindo aqui como algumas coisas vão ficando sem graça com o tempo,né?! Bjão

Meu Canto Na Cozinha disse...

Como uma boa paulista eu sempre adorei pao na chapa, meu marido vivo falando que quando eu era solteira eu vivia de pao com manteiga rsss
Bjs
Paty

bizuca disse...

Quando era mais nova gostava de um misto-quente de manhã (ainda gosto), depois que casei passei a alternar tapioca e cuzcuz (ambos só com manteiga),com o querido misto-quente, de café-da-manha. Mas nunca bebo nada de manhã. No máximo bebo água.

Andréa Potsch disse...

Quando criança não comia nada pela manhã!! Depois passei a tomar somente suco de laranja e depois com misto quente! Hoje em dia a idade só me permite granola com fruta e água! eheheh
bjs

Teresa Aparecida de Aquino Soranso disse...

Olha, Glau, meu café de hoje é bem diferente! Tem leite (sou uma bezerra desmamada, adoro leite!), pão, biscoito, geléia de amora, requeijão, suco de laranja. Quando criança, íamos ao curral tomar leite com canecas de alumínio. No fundo dela, uma colher de açúcar e outra de conhaque. Papai tirava o leite, vinha a caneca até à boca e gostava da espuma do leite. Ainda hoje sinto aquele gosto! Muito, muito bom!Bjs e bom findi pra vc.

MARCIA-SP disse...

SINCERAMENTE,MEU CAFE DA MANHA NA INFANCIA NAO ERA MUITO BOM NAO,MAL TINHA PAO PRA COMER,MEUS IRMAOS BRIGAVAM PELO PAO!HOJE NÓS NOS DIVERTIMOS COM AS HISTORIAS.MAS QUANDO TINHA ERA SEMPRE COM PAO E CAFE,OU PAO E CHA DE CAPIM SANTO.MAS A GENTE ERA E SOMOS MUITO FELIZES,GRAÇAS A DEUS!
UM ABRAÇO!

Adriana disse...

Oi, Glau, primeira vez que posto comentário aqui, mas já tenho me deliciado com suas receitas e fotos. Adoro o capricho das tuas fotos! Eu amo café da manhã desde sempre. Quando pequena era café com leite, depois passei a preferir pão com nescau e pão com manteiga na frigideira. Hoje mantenho meu café com leite de manhã, pão com manteiga ou queijo, mesmo quando não tenho muito tempo, senão não consigo engrenar :) Abraço

Luciana Leal disse...

O meu café-da-manhã até meados do ano passado ( tenho 28 anos) praticamente sempre foi pão francês uma xícara de café e quando muito pequena ao invés do café era um copo de leite com nescau nada mais que isso. Do ano passado pra cá comecei a comer meio mamão junto com pão e cafe e hoje em dia é mamão com banana e granola feita por mim e uma xícara de café. Quando estou na fase de comer muito ainda acrescento o pão, mas é de vez em quando.
Nada de comer coisas muito pesadas logo cedo. Não desce!!
Beijinhos

saborcomletras disse...

Lembro de sempre levantar de manhã e o cheirinho de café já ter invadido a casa... minha mãe levantava bem cedo e deixava a mesa pronta.. café, leite, bolos... e vc não vai acreditar... feijão tropeiro... de vez em quando meu pai fazia... hábito de homem da roça... Não esqueço também de tomar café sentada na horta, pegando aquele solzinho de manhã. Noossa vou escrever um post sobre isso. Obrigada por inspirar!

Vilmara Azevedo disse...

Olá Glau! Minha infância foi marcada pelos ovos à la coque que minha mãe fazia, tapioca, pães caseiros e leite gelado com ou sem Nescau (preferência nacional, hein?). Ela sempre foi uma excelente cozinheira e achava de suma importância irmos (eu e meu irmão) bem alimentados para a escola. Na fase adulta sempre gostei de um misto de pão integral com queijo e presunto, ovos, cereais, café com leite e Nescau (tudo junto!). Mas, com a correria e a dieta, opto por um misto ou ovos com torradas e café preto ou suco de uva pra energizar. Depois dos 30 a vida sempre se complica, não é? Bem que eu queria ter tempo de tomar um cafezão tranquilo, lendo jornais, batendo papo e comendo de tudo, sem olhar para o relógio e sem me preocupar com a louça... Mas quando viajo tiro a barriga da miséria e faço minhas vontades. A vida é curtíssima, não é mesmo?? Abraço! V.A. Natal/RN.

Katia Bonfadini disse...

Glau, sabe o que eu comia sem culpa e hoje não me permito mais porque engorda horrores? Banana cortada em rodelas com biscoito maizena ralado ou farinha láctea e muito leite condensado por cima! É delicioso!!!! Hummm, que saudades dos meus tempos de menina magrela, rsrsrsrs! Beijão!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin